Sobre acessibilidade

áreas

 

PRÓ AÇAÍ  - Programa completo 

Objetivo do Pró- Açaí 

Contribuir efetivamente com o aumento da produção do açaí no estado do Pará, através da melhoria do manejo e enriquecimento dos açaizais situados nas regiões de integração produtoras do Marajó e Baixo Tocantins, além da massificação da implantação e manejo de açaizeiros irrigados em áreas de terra firme do Estado do Pará, no período de 2016 a 2020, dando ênfase, principalmente, ao desenvolvimento socioeconômico local e Regional, e assegurando, também, a conservação ambiental.

O programa pretende implantar, manejar e enriquecer 50,0 mil (cinquenta mil) hectares de açaizeiros, distribuídos entre Sistemas Agroflorestais e cultivos solteiros, nos ecossistemas de terra firme e várzea, envolvendo, em mais de 90% (noventa por cento) agricultores de base familiar, no período de 2016 a 2020, conforme a seguinte delineação :

  • 10,0 mil hectares de açaizeiros implantados na forma de SAF’s ou de cultivo solteiro, implantados em áreas antropizadas, localizadas nas regiões de terra firme no Estado, envolvendo 1,0 mil pequenos, médios e grandes produtores rurais, utilizando, dentre outras tecnologias, a da irrigação;
  • 40,0 mil hectares no ecossistema de várzea, através do fomento à utilização de sementes e mudas de açaizeiros, frutíferas e essências florestais de elevado potencial produtivo compondo SAF’s, e da intensificação da Assistência Técnica e Extensão Rural , via processo de capacitação/treinamento, em áreas de 10 mil produtores familiares, utilizando o sistema de manejo e enriquecimento de açaizais, localizados nos município de  Afuá, Anajás, Bagre, Breves, Cachoeira do Arari, Chaves, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Salvaterra, Santa Cruz do Arari, São Sebastião da Boa Vista, e Soure, todos situados na região do Marajó. Serão envolvidos ainda, os Municípios de: Abaetetuba, Baião, Igarapé Miri, Cametá, Mocajuba, Limoeiro do Ajuru, e Oeiras do Pará, situados na região do Baixo Tocantins.

INFORMAÇÕES  : GERÊNCIA DE PRODUÇÃO VEGETAL / Setor Fruticultura : (91) 4006-1250